Diário

Juntei os pedaços
eram apenas papéis
cartas da vida inteira
vestígios de alguém
que agora junta palavras
no quarto abandonado. 

Anúncios

Despedida

Digo sem amargura
calma irrefletida
pode ser cansaço
vontade de ir embora
ver o tempo tomar conta
digo sem amargura
como quem foi despedido
do emprego que não queria
nós já não somos dois.

A jornalista

Ela gosta de curta-metragem
festivais de filme tailandês
tudo do Kieslowiski
Buñuel e Pasolini
mas seu coração bate mesmo
é com cena de beijo.

Ela estudou jornalismo
doutorado no exterior
vai a congressos
participa de bancas e tudo mais
mas perde a cabeça mesmo
é com sorriso de galã.

Ela lê Sartre, Calvino
Tchekhov e Dostoievski
sabe tudo de sociologia
se arrisca na psicologia
mas seu corpo treme mesmo
é com poeminha de amor.

Ela escolhe livros para mim
me empresta o ilustrissíma
fala de arte moderna
e do filme the square
mas se derrete mesmo
é quando digo I love you.